Aplicativo criado para mulheres tem cursos gratuitos e oportunidade de emprego

sexta-feira, 5 de novembro de 2021

 

Imagem: Divulgação

Cursos gratuitos e vagas de trabalho, todos voltados para mulheres e em um mesmo lugar. Assim é o aplicativo Mulheres Positivas, a plataforma virtual de um movimento liderado pela TIM e que tem a colaboração de mais de 30 empresas, incluindo a Energisa. O objetivo é a promoção do desenvolvimento pessoal e profissional de mulheres por meio de informações e serviços. O aplicativo é uma das ações do projeto, com mais de 100 cursos de capacitação gratuitos, além de ofertas de emprego para variados perfis. No aplicativo, as mato-grossenses podem participar de quantas qualificações desejarem. Também há podcasts com dicas de como melhorar o currículo, chamar atenção do recrutador, gestão, empreendedorismo, inovação, empoderamento, entre outros, e histórias inspiradoras de mulheres que venceram obstáculos. Sempre que tiver oportunidades, a Energisa irá publicar também no aplicativo. 

“Logo que conhecemos o projeto, nos identificamos com seu propósito. A Energisa quer ser protagonista na transformação do setor elétrico brasileiro e esta visão nos coloca diretamente alinhados ao compromisso com a diversidade. A equidade de gênero é um dos pilares da diversidade e acreditamos que as mulheres devem se empoderar e ocupar também posições em áreas predominantemente masculinas”, explica Tatiana Feliciano, diretora de Gestão e Sustentabilidade, que complementa: “Queremos aumentar a participação de mulheres nos nossos quadros operacionais”. O movimento da TIM para ampliar o acesso das brasileiras ao mercado de trabalho está prestes a completar três meses com novas adesões e o lançamento de uma ampla estratégia de comunicação. Estrelada pela cantora IZA, que atua como embaixadora da iniciativa, a campanha estimula o uso do app Mulheres Positivas. 

Cursos, vagas e mentoria para mulheres

Lançado em julho em parceria com Accenture, Adidas, Enel, Generali, Microsoft, Oracle, Pirelli, Stellantis e Via, o projeto tem o aplicativo Mulheres Positivas, criado pela empresária Fabi Saad, como plataforma digital para apoiar o desenvolvimento pessoal e profissional das mulheres. Além da divulgação de vagas de trabalho das empresas parceiras, o app traz cursos de capacitação também disponibilizados pelas companhias participantes. O acesso aos cursos e vagas é gratuito para toda a sociedade e clientes TIM navegam na plataforma sem consumir seu pacote de dados. 

A iniciativa contempla ainda um programa de mentoria intercompany, com duração de seis a oitos meses, focado no desenvolvimento de carreira de mulheres das empresas participantes. A primeira turma, já em andamento, conta com 66 colaboradoras selecionadas como mentoradas, que têm o acompanhamento de 33 mentores(as). As sessões são realizadas de maneira cruzada, com profissionais de uma companhia sendo orientadas por líderes de outra. A coordenação é da consultoria CMI Business Transformation, liderada por Maristella Iannuzzi, executiva da área de tecnologia, especialista em diversidade e inclusão e com vários trabalhos junto a ONU Mulheres. A evolução do projeto prevê oferecer mentoria gratuita e voluntária para as mulheres da sociedade como um todo. 

IZA convoca mulheres em busca de oportunidades 

Para que mais pessoas possam conhecer e aproveitar os benefícios da iniciativa, a TIM lança uma ampla campanha com IZA, que já é porta-voz da marca e atua também como embaixadora do projeto desde o seu lançamento. Desenvolvida pela BETC HAVAS, a estratégia de comunicação conta com filmes para TV e mídia digital. Nas redes sociais, influenciadoras que são vozes importantes na luta das mulheres reforçam a mensagem. Participam nomes como Camilla de Lucas, Thelma Assis, Pequena Lo, Camila Loures, Niina Secrets, Giovana Heliodoro, Tia Má, Bielo e Cris Guerra, além das atletas embaixadoras da TIM no Comitê Olímpico do Brasil (COB) e na Seleção Brasileira de Rugby.


Via Assessoria

OITENTA E CINCO PORCENTO: Como parei de fumar após 15 anos sendo tabagista

terça-feira, 19 de outubro de 2021

                                                                                                    Imagem: Pexels

Essa é a taxa de sucesso do programa Inspirar, disponível gratuitamente para beneficiários Unimed Cuiabá que são tabagistas e querem parar de fumar.

Um programa que dura 4 meses, com uma equipe multidisciplinar que conta com médico, enfermeira, psicóloga, nutricionista, fisioterapeuta e educadores físicos.

Me peguei pensando se eu seria um dos 85% ou um dos 15% que não consegue parar. De uma forma ou outra, entrarei nas estatísticas.

Passei pela primeira semana (que é a mais f*d*d* de todas) e consegui chegar a incrível marca dos 15 dias, o que para quem fuma é muito difícil.

Depois disso foram escorregadas atrás de outras. Um cigarro aqui em um dia, dois ali em outro e me vi com uma latinha de cerveja na mão tocando o f*d*ss*.

Resolvi (na verdade eles me ligaram porque meu psiquiatra me indicou para o programa) entrar no programa no momento mais punk da minha vida que envolve, um tabagista na minha casa que a cada meia hora acende seu cigarro e também uma mudança que por várias razões (entre elas, não conseguir bancar um canto para mim agora) tive de aceitar.

E todas essas coisas ao mesmo tempo causam muita tensão e nessas horas tudo que quero é buscar uma calmaria, uma forma de alívio, adivinhem onde?

Na primeira sessão de terapia eu disse que o “cici” mantinha o leão (ou o capeta) enjaulado e por muito tempo essa foi a minha desculpa!

Quando tentei largar sozinha, tive tantas reações físicas: tremedeira, falta de ar, achar que ia morrer, vontade de morrer que achei que NUNCA conseguiria.

Mas passei pela primeira semana e isso para mim é uma vitória que nem conseguiria imaginar!

Tô vacilando, tô vacilando, mas no fundo eu sei que vou conseguir entrar nos 85%, porque o mais difícil consegui passar.

Vai ser meio bambeando? Falhando aqui e ali, vai. Mas tenho uma certeza dentro de mim que vai dar certo.

E o tabagista que hoje habita meu cotidiano não ficará conosco para sempre e logo não serei tentada a dar essas “escapadas”.

Como hoje que estava de boa lavando uma roupa na mão, tomando uma breja, ouvindo música e virei para o lado e o maço estava ali. PQP assim fica foda! Mas tirando essa situação, tenho a certeza que vou conseguir!

Se for depois que encerrar o programa, tudo bem, mas tenho essa sensação dentro de mim que vai dar certo! Mesmo com as eventuais escorregadas, porque é meu desejo mais profundo e pela primeira vez na vida estou forçando a minha força de vontade a agir por alguma coisa.

Vai que dá e se puderem e quiserem, orem e torçam por mim.

Esse texto foi escrito em 17.04.2021, mas nunca foi publicado.

Corta para outubro de 2021, mês do meu aniversário e a data de 13.10.2021 que completei 6 meses sem fumar muito feliz de fazer parte dos 85%!

Novidade Ricca: Escovas de cabelo desembaraçantes com estampas divertidas

segunda-feira, 18 de outubro de 2021

Imagem: Divulgação
 
A Ricca, que é um braço da Belliz Company, não pára de inovar e agora lança escovas desembaraçantes com estampas divertidas. 

Segundo a marca:

"As escovas com base almofadada proporcionam uma escovação muito mais confortável e cerdas de nylon com pontas protetoras que massageiam o couro cabeludo. Ideal para pentear e desembaraçar e todos os tipos de cabelo."

São dois modelos: Racket Patches e Oval Patches sendo vendidas por R$ 38,99 e R$ 33,99 respectivamente no site da Ricca

Imagem: Divulgação
 
A marca é bem diversificada e fácil de encontrar, desde supermercados, farmácias até lojas de produtos de beleza. Sempre tem uma coisinha que nos atenda. Além da diversidade, ela vem investindo bastante em skincare e recentemente lançou vários produtos para os cuidados com a pele, como bruma e hidratantes faciais que estou testando e em breve resenharei para vocês.

Conhece a marca? Me conta nos comentários qual seu produto preferido ;D